A medicina comportamental pode minimizar a necessidade de tratamentos médicos mais intensivos e mostrou melhorar os resultados da perda de peso. Estima-se que o acesso aos cuidados de saúde explica apenas 10% da variância nos desfechos de saúde e morte prematura, enquanto os padrões comportamentais são responsáveis por 40%.

Saiba mais